close

  • Ser fiel à minha Pátria, a República da Polônia

     

  • ACONTECIMENTOS

  • 21 Maio 2018

    O Dia da Bandeira é comemorado em 2 de maio. Nesta data, os poloneses refletem sobre a longa história das cores nacionais, vermelha e branca, e orgulhosamente exibem bandeiras fora das suas casas.

    As cores nacionais polonesas são de origem heráldica. Derivam das cores do brasão de armas do Reino da Polônia e do brasão de armas do Grão-Ducado da Lituânia. Na bandeira polonesa, o branco corresponde à cor da Águia, que aparece no brasão de armas da Polônia, e do Perseguidor - cavaleiro que aparece a galopar no brasão de armas da Lituânia. Ambos os brasões surgem em escudos heráldicos vermelhos.

     

    Na bandeira, o branco é colocado na parte superior, enquanto o vermelho na parte inferior, por se considerar na heráldica polonesa a cor do brasão mais importante do que do fundo.

     

    As cores vermelho e branco foram, pela primeira vez, reconhecidas como cores nacionais em 3 de maio de 1792, no primeiro aniversário da proclamação da Constituição de 3 de maio. Foram oficialmente adotadas como as cores do Estado Polonês pelo Parlamento do Reino da Polônia em 1831 durante a Revolta de Novembro. Após a Polônia ter recuperado a independência, a aparição da bandeira polonesa foi confirmada pela Assembleia Legislativa em 1 de agosto de 1919.

     

    O Dia da Bandeira Polonesa tem sido celebrado oficialmente desde 2004. Neste dia, organizam-se numerosas campanhas patrióticas para recordar as cores nacionais vermelho e branco. Ultimamente, regressa depois de cair no esquecimento, laço nacional - uma roseta branca e vermelha, usada pelos insurgentes no século XIX. Hoje em dia, os poloneses prendem-na à roupa durante as celebrações nacionais.

     

    Assessoria de Imprensa

    Ministério das Relações Exteriores

     

    Print Print Share: